Search results: Found 2

Listing 1 - 2 of 2
Sort by
Einstein entre nós: a recepção de Einstein em Portugal de 1905 a 1955

Author:
Book Series: Documentos ISBN: 9728704607 Year: Pages: 207 DOI: 10.14195/978-989-26-0353-7
Publisher: Coimbra University Press
Added to DOAB on : 2020-05-28 16:16:46
License:

Loading...
Export citation

Choose an application

Abstract

Trata-se do catálogo de uma exposição bibliográfica, documental e experimental que, com o mesmo título, esteve patente na Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra no ano de 2005 no quadro da celebração do Ano Mundial da Física. A exposição versou a receção da obra de Albert Einstein em Portugal entre 1905, data da publicação dos primeiros artigos da relatividade restrita até 1956, ano da sua morte. Vários textos de físicos e historiadores de ciência portugueses e brasileiros (Ana Simões, Augusto Fitas, Carlos Fiolhais, Décio Martins Ruivo, Joaquim Fernandes, Orfeu Bertolami e Paulo Crawford) tratam facetas da vida e obra de Einstein, com particular ênfase nas relações do sábio com Portugal (investigação, ensino e divulgação das teorias da relatividade restrita e geral e de outros tópicos de física desenvolvidos por Einstein). Completa a obra uma bibliografia dos trabalhos sobre Einstein saídos em monografias e publicações periódicas no período assinalado e que estão disponíveis na Biblioteca Geral e na Biblioteca de Física da Universidade de Coimbra (nomeadamente obras de Leonardo Coimbra, Gago Coutinho, Ruy Luiz Gomes, Abel Salazar, Bento de Jesus Caraça e Mira Fernandes, etc.) e ainda uma bibliografia dos trabalhos de Einstein existentes nas mesmas bibliotecas desde 1905 até

Keywords

Portuguese

Instituto de Estudos Clássicos: um passado com futuro

Author:
Book Series: Documentos ISBN: 9728704445 Year: Pages: 287 DOI: 10.14195/978-989-26-0427-5
Publisher: Coimbra University Press
Added to DOAB on : 2020-05-28 16:16:46
License:

Loading...
Export citation

Choose an application

Abstract

No prefácio da sua obra, Heródoto, a quem Cícero haveria de chamar pater historiae, usa precisamente a palavra historia para caracterizar o relato que se preparava para iniciar. O termo – que tanta fortuna iria conhecer no futuro – designava naquele contexto a “exposição das informações” resultantes de um processo de indagação dos acontecimentos, onde a observação direta dos eventos narrados detinha ainda um papel importante. Às razões que lhe justificavam a preocupação em registar feitos pretéritos vêm referidas logo a seguir: zelar pela preservação de acontecimentos passados; tributar a devida homenagem a quem se distinguiu pelas suas empresas; conhecer a causa dos acontecimentos referidos. E tudo isto permeado pela afirmação discreta da imparcialidade no juízo. Numa altura em que o Instituto de Estudos Clássicos celebra os sessenta anos de existência, as palavras de Heródoto voltam a soar com toda a limpidez e sentido de oportunidade, pela forma como recordam o dever que cada geração tem de garantir a preservação da memória dos acontecimentos que mais a marcaram. No caso concreto do Instituto de Estudos Clássicos, essa memória próxima abarca já três gerações, mas continuamos a ter a fortuna de poder testar quase todas as informações junto dos verdadeiros histores, na aceção de testemunhas diretas dos acontecimentos narrados. E mesmo que a imparcialidade não seja total (pois todo registo implica uma triagem da informação, com alguma dose de subjetividade), continua a levar-se vantagem sobre a frigída indiferença do mármore partido. Foi desta consciência que decorreu a ideia de elaborar o presente livro, o qual gostaríamos que constituísse uma evocação das pessoas e dos eventos que ajudaram a dar ânimo a um sector específico da vida universitária, mas também que foram construindo, com dedicação e empenho, a escola dos Estudos Clássicos em Coimbra.

Keywords

Portuguese

Listing 1 - 2 of 2
Sort by
Narrow your search

Publisher

Coimbra University Press (2)


License

CC by-nc-nd (2)


Year
From To Submit

2005 (2)